Citada na CPI, Mia Khalifa brinca: ‘Sou a política brasileira, queridinho’

A ex-atriz pornô Mia Khalifa foi mais uma vez citada na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid no Senado. A jovem, que agora é escritora, resolveu entrar na onda brasileira e foi até as redes sociais fazer piadas sobre o assunto.

“Eu sou a política brasileira, queridinho”, escreveu.

O nome de Mia Khalifa surgiu, pela primeira vez, ligado à CPI a partir de uma interpretação equivocada de uma fala do senador Luiz Carlos Heinze (Progressistas-RS).

Heinze é um dos nomes governistas mais alinhados com o presidente da República na CPI. A favor da cloroquina e do tratamento precoce, o senador já protagonizou algumas discussões sobre o assunto.

Em quase todas as sessões da CPI da COVID no Senado, quando o senador tem a palavra, ele cita termos como Didier Raoult (chamado nas redes de DJ Raul), o município de Rancho Queimado, Big Pharma, entre outros.

 Da redação com o Correio Braziliense

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *