Fecomércio aponta que 80,9% das famílias do DF estão endividadas

De acordo com estudo, em junho 795.213 brasilienses estavam com alguma dívida

 

O número de famílias do Distrito Federal com algum tipo de dívida cresceu no último mês. O número passou de 774.312, em maio, para 795.213 em junho, um crescimento de 20.901 famílias. De acordo com a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), divulgada pela Fecomércio-DF, cerca de 80,9% dos brasilienses estão endividados, contra 78,9% apurados em maio. No mesmo período do ano passado o percentual de endividados era de 75,7%.

O estudo apontou, ainda, que essa é a maior alta do ano e o maior patamar desde dezembro de 2018, quando 81,3% das famílias tinham alguma dívida. Além disso, segundo a pesquisa, 3,1% dos brasilienses estão muito endividados; 13,5% mais ou menos endividados; 64,2% pouco endividados; e 19,1% não têm dívidas.

Das pessoas que têm alguma dívida, 39,7% têm condições de pagar os atrasos integralmente; 55,2% parcialmente; 1% não tem capacidade de pagamento e 4% não souberam responder.

De acordo com dados do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), atualmente 331 mil brasilienses estão desempregados. Para o presidente da Fecomércio-DF, Francisco Maia, esse é um dos motivos para a quantidade de pessoas endividadas. “A taxa dos endividados com contas em atraso também aumentou na comparação mensal e anual. Com o aumento do desemprego e a diminuição da renda média familiar, as contas se acumulam e o endividamento bate na porta das famílias brasilienses”, explica.
Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *