Tamanduá-bandeira é resgatado em Riacho Fundo

 

Um tamanduá-bandeira que circulava tranquilamente ao lado da cerca que delimita o terreno da Escola Superior da Polícia Civil do Distrito Federal foi resgatado na manhã desta segunda-feira (14) pela Polícia Militar Ambiental.

Os moradores do Riacho Fundo I, região administrativa do DF, se surpreenderam com o bicho desde cedo. Um deles foi a vigilante Leila Alves, de 43 anos, que relatou ter visto o animal caminhando calmamente por volta das 7h30.

Ela disse ter achado a cena tão curiosa que saiu de casa para acompanhar o tamanduá. “Ele andou um pouco e, depois de uns 40 minutos, pulou a grade. Fiquei mais tranquila. Estava tentando impedir que ele fosse para a pista.”

Segundo relatos, quando a PM tentou capturar o animal pela primeira vez, ele pulou a cerca e foi correndo em direção às casas na quadra residencial. Lá, muitos curiosos se aglomeravam para ver o bicho, que foi resgatado por volta das 11h, após ser acuado em um portão.

O vigilante Aldo Machado, de 48 anos, foi outro morador que acompanhou as andanças do tamanduá. Ele contou que o animal “deu um pouco de trabalho” quando os policiais tentavam capturá-lo. “A população ajudou para ele não fugisse. Ele correu muito até ser pego.”

Da Redação, com informações do G1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *